Reserva Natural do Monte Grand Matoury No coração da ilha de Caiena

Entre as planícies costeiras do Amazonas e do Orenoque, o relevo culminante abriga em suas encostas um dos últimos maciços de floresta primária da franja litorânea. Na Guiana Francesa, o Monte Grand Matoury (234 m de altitude) emerge da planície para atrair o olhar de todos os habitantes, desde Caiena até periferia de Matoury. Ele exibe com orgulho sua floresta amazônica, intacta e protegida pela sua classificação de reserva natural desde setembro de 2006.
Depois de apenas quinze minutos de carro, saindo da cidade, nós já chegamos ao ponto de partida do passeio. A doçura da madrugada cobre com sua luz a paisagem e o silêncio da atmosfera. Nossa caminhada começa no frescor matinal de uma mata composta pássaros de fogo (balourou), árvores-guarda-chuva (Schefflera), Embaúbas e palmeiras bacabas e maripas. Essa vegetação revela aqui, uma lenta regeneração florestal iniciada desde que a antiga fábrica de rum de La Mirande” (da qual restam apenas vestígios históricos) parou, há mais de 60 anos de explorar as árvores da natureza para obter madeira de combustão. Ao pé de uma maripa, uma paca surpresa foge com a nossa chegada. Nós acabamos de surpreendê-la em seu trabalho de jardineira da floresta, disseminando, ao enterrar em seu território, diversas sementes de árvores. A natureza agora vai acordando progressivamente. Aqui, o sol nascente é o maestro de um concerto onde os pássaros cantam, ...

Nos lecteurs ont lu ensuite

Il vous reste 88% de l'article à lire.
La suite est réservée à nos abonnés.
Vous avez déjà un compte ou un abonnement ? Se connecter
Souhaitez-vous lire cet article gratuitement ?
Créer un compte

Vous préferez lire Boukan en illimité ?
Je m'abonne
Logo payement
X
Le téléchargement des PDF des numéros n'est pas inclus dans votre abonnement
Envie de télécharger ce numéro au format digital ?

L'intégralité des articles et les PDF pour 29€ par an
Je m'abonne
Logo payement